quinta-feira, 19 de abril de 2012

A história de Jacks e o Sabiá

Menino-homem, homem-menino
de meia idade
esqueceu de crescer
e foi viver de verdade

foi se encontrar com Deus
e perguntar porque foi escolhido
pra ser daquele jeito
eternamente menino

alma leve, coração puro
escondido em uma ilha, por lá viveu
não deixou filho, filha
e tá indo "pra um lugar todinho meu"

e agora que me dei conta
que o inocente sou eu
porque fui obrigado a caminhar
e de qualquer obrigação, ele se esqueceu

você veio e ensinou
que viver preocupado é grande bobagem
mas chegando lá em cima, não esqueça de ligar dizendo
"fiz boa viagem".

que exemplo, que sorte a tua
de ter vivido só a juventude
a vida em sua amplitude
a carne estava com sal mas a poesia é sua

E foi assim, sonhando em tempo integral
que viveu o cara libertino
mostrando que não há nenhum mal
ter na raiz a grandeza de ser menino

Guilherme Vilaggio Del Russo

* em homenagem a Jacks Jairo Wiesen Thiesen, falecido no dia 19/04, vítima da escolha divina pelos puros e bons.

3 comentários:

POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

Falando de amor


Essencialmente falando
de amor
podemos usufruí-lo
em dois mundos:
Horizontal
e o Vertical.
Ambos essenciais
para a nossa felicidade...


Poeta Francis Perot
CANTORA DEYSE MARANE PRA VOCÊ...
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=0-nCaDHGwwA

Tiara Sousa disse...

Adorei!

Gabriela Galindo disse...

Adorei a combinação do Blog, perfeita simetria!! Parabéns!!