sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Faça tudo à caneta.

A vida não dá mais do que dois caminhos a serem escolhidos. Não há espaço para indefinição nos dias de hoje. Oportunidades, pessoas e momentos que só acontecem uma vez. Cabe a nós optarmos com sinceridade. Acho egoísmo estar no meio do caminho e não trilhá-lo até o fim. Você interefe e fere o sentimento (e futuro) de muitos. Se quer algo e quer de verdade, esforce-se para ter e assuma responsabilidades. Odeio pessoas na minha vida que optaram por ser um "sei-lá", coadjuvantes de si mesmas. Que vão pelo caminho mais fácil e não tem nem a curiosidade de conhecer o outro, aqueles que optam pelo lápis à caneta. Não existe o errado. O que existe é a possibilidade de ver diferente, um outro ponto de vista. Quem tira proveito disso, tira proveito da vida.

Fortes são os que repetem seus princípios do início ao fim. Veja bem, princípios e não opiniões. Respeite sua personalidade.É preciso ser homem pra se definir. E definir prioridade e arcar avalanches de consequências. É aquela velha e conhecida dúvida do Agora ou do Pra Sempre. Que você escolha agora o que vai ser (e viver), pra sempre.

Guilherme Vilaggio Del Russo

4 comentários:

Anônimo disse...

prefiro escrever a lápis! hehehe

fernanda disse...

Oi sou a irmã da Fê... ela me indicou seu blog =P
muiitoo bom...
passa no meu depois...

www.poesiaverbosaudade.blogspot.com


beijo, se cuida.

Clara Mello disse...

ele completo tá bem melhor, hahah!

beijo, grande Gui! :*

Bruna disse...

Nossa, esse texto foi o melhor... é o q uma pessoa está fazendo comigo.... indefinições.... o atitude, pensamento e palavrinha chata hein....

Só não vou comentar mais além pq senão eu solto o verbo mesmo, hahahahahahaha

mas define exatamente o q é isso e me orgulho de ter um amigo tão maduro assim.... =)

Te adoro